assine

Newsletter

a aa
22 10

Saiba tudo sobre a raça Dogue Alemão

Publicado em 22 de Oct de 2015 por Bruno Costa Comentar

Conheça todos os detalhes da raça do maior cachorro do mundo!

Texto Samantha Melo | Fotos Shutterstock

Saiba tudo sobre o grandão Dogue Alemão

O Chamado de “Apolo dos Cães” pelos criadores e adoradores da raça, o Dogue Alemão, de fato, faz jus ao apelido. Isso porque tanto em suas características físicas como de personalidade o animal apresenta muita nobreza e equilíbrio – um verdadeiro lorde! Seu tamanho e robustez (ele chega a quase 1 metro das patas até o pescoço e 80 kg!) chamam a atenção por onde passa e muitas vezes causam medo nas pessoas. 

Mas o receio é absolutamente infundado, pois o mascote não apresenta traços de agressividade ou nervosismo, ao contrário, é bastante dócil, brincalhão e carinhoso com seus familiares. E esse porte elegante garante que ele não seja muito ativo nem precise de um lugar enorme para morar.

Filhote de Dogue Alemão

Há divergências sobre a sua origem, mas a Confederação Internacional de Cinofilia aceita a versão de que o pet teria surgido mesmo na Alemanha, oriundo de raças como o robusto Mastiff Inglês e o ágil Galgo, e por isso une instintos de proteção e caça, fazendo dele um cachorro muito apegado ao seu dono, a quem sempre quer ajudar e prover. Tendo sido registrado mesmo como alemão em 1880, logo foi exportado para as Américas e hoje é admirado por quem é apaixonado por cachorros de grande porte.

Temperamento: O Dogue Alemão é protetor, mas isso não faz dele agressivo. “Ainda que desconfiados com estranhos, são carinhosos, até com crianças”, aponta Victor Emanuel, do Canil Gigantes do Moenda, de Itatiba (SP). As suas características físicas e a coragem não são motivos para deixá-los sozinhos. “Eles gostam de estar presentes na vida de seus donos, caso contrário, adquirem comportamentos indesejáveis”, ressalta Giulliana Tessari, veterinária responsável pela área de filhotes da Petz/Pet Center Marginal.

Educação: Não são mais teimosos do que o normal, mas aqui a questão do tamanho importa bastante. “Imagine se o pet não for educado desde filhote a não subir no sofá, como você vai tirá-lo quando ele tiver 70 kg?”, destaca Victor. Por isso, estabeleça as regras desde o início para mostrar que ele não é o líder.

Cuidados: Fique tranquilo: os enormes cachorros não precisam ser tosados porque têm pelagem bem curta e espessa e não soltam muitos pelos. Contudo, para garantir o brilho característico da raça, acostume-se a escová-lo uma vez por semana. Já em relação aos banhos, espace-os entre uma semana e um mês, de acordo com a rotina do animal.

Exercícios: É realmente difícil de acreditar, mas o gigante Dogue Alemão não é muito ativo e pode viver em apartamento, desde que tenha espaço para se movimentar, brincar e tomar sol. Sim, o grandão é pacato, mas isso não quer dizer que você não precise passear com ele. “É importante fazer uma caminhada amena diariamente. Não são cães para exercícios intensos como corridas”, encerra o criador.

Ficha técnica da raça Dogue Alemão


Revista Meu Pet | Ed. 38

Comente!